Escrito por: Redação GF+ | Data de Publicação: quarta-feira, 9 setembro, 2015

Océ-Canon patrocina o Invisível? SP-NYC: arte e fotografia encontram inspiração entre bicicletas e concreto

Océ-Canon patrocina o Invisível? SP-NYC: arte e fotografia encontram inspiração entre bicicletas e concreto

Projeto promove uma discussão sobre mobilidade urbana e as relações humanas dentro das grandes cidades

A qualidade de vida é um tema recorrente em qualquer roda de discussões, principalmente quando se trata da vida nas grandes cidades, como São Paulo e Nova York. E por que não usar a arte para promover um diálogo entre essas grandes cidades, que discuta mobilidade urbana e as relações humanas? Essa é a proposta do Invisível? SP | NYC, projeto criado em parceria com a fotógrafa Sylvia Sanchez e o projeto Am I Invisible?, da fotógrafa nova yorkina Jeanne Hillary. A iniciativa, que vai de 12 de setembro a 09 de novembro no Centro Cultural Vergueiro, em São Paulo, conta com o patrocínio e apoio da Océ, uma empresa do grupo Canon.

Os temas recorrentes de nossa década – qualidade de vida, relações humanas, mobilidade em cidades super populosas, sustentabilidade e meio ambiente – são um retrato de todos os problemas e soluções que o cidadão de São Paulo e de grandes metrópoles, vivencia todos os dias. Levantar essa discussão de forma artística, através da fotografia, alia o poder da imagem com a beleza e o sentimento de pertencimento que segue todo cidadão de sua atribulada metrópole.

O espaço urbano e a mobilidade, principalmente ligado ao uso das ciclofaixas e às próprias bicicletas, ganham destaque na mostra cultural. “Os problemas que grandes metrópoles enfrentam são sempre semelhantes entre si, e promover um olhar que aproxime essas realidades pode gerar novas ideias para solucionar antigos problemas que persistem. A Océ tem orgulho de patrocinar esse tipo de iniciativa”, conta Eduardo Petroni, Diretor Superintendente da Océ.

Em Nova York, a exposição acontece no North Brooklyn Farms, um espaço expositivo temporário construído exclusivamente para o projeto. Lá já aconteceu o Prêmio Invisível? SP | NYC de Fotografia e Arte, que foi de 05 a 12 de julho. O júri selecionou as três melhores imagens de cada cidade e premiará os autores das fotografias com bolsas de estudo na Escola Panamericana, calças Levi’s, alforjes Thule, capacetes Belle Helmets e câmeras Diana F, da Lomography. Só em São Paulo, foram inscritas 450 imagens, e os ganhadores serão anunciados na cerimônia de abertura da exposição.

No Centro Cultural de São Paulo, ficarão expostas 16 imagens, metade de artistas brasileiros e metade de americanos, com co-curadoria de Baixo Ribeiro, do Instituto Choque Cultural SP, e Jeanne Hilary, do Bicycle Utopia NYC. As imagens serão distribuídas por todo o prédio, propondo aos visitantes que percorram o espaço – assim como fazemos ao andar pela cidade. Cada imagem dará acesso a conteúdo online exclusivo, através do Blippar, um aplicativo inglês que é uma evolução do QR Code, ainda inédito no Brasil. Na abertura da exposição acontecerá simultaneamente nas duas cidades, com live streaming, uma espécie de transmissão ao vivo, uma mesa redonda com os curadores do projeto, alguns dos artistas e representantes do ciclismo.

O site do projeto (www.cicloutopia.com) será o ponto de convergência de todo o conteúdo gerado no projeto. Todas as imagens enviadas para o concurso, tanto em São Paulo quanto em Nova York, serão apresentadas lado a lado no site. “A arte da fotografia sempre traz novos olhares para paisagens corriqueiras, e isso é algo que nos orgulhamos de proporcionar como fabricantes e apoiadores da fotografia”, finaliza Otsuka.

Informações Técnicas: Todas as impressões que estarão expostas ao longo da Av. Vergueiro (próximo ao Centro Cultural), foram impressas na Océ ColorWave 700.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *